quarta-feira, 2 de abril de 2008

Meio ambiente e desenvolvimento sustentável são tema de Diálogos Capitais

Com a presença de especialistas e do ministro Edison Lobão (Minas e Energia), encontro debate questões relacionadas à exploração de recursos naturais, experiências de práticas sustentáveis e fontes alternativas de energia

A revista CartaCapital promove no dia 10 de abril, das 8h30 às 18h30, no Rio de Janeiro, mais um Diálogos Capitais - série de eventos que discute, de forma independente e crítica, temas atuais e de relevância nacional com a presença de especialistas e formadores de opinião. Em pauta nesta quinta edição, “Meio ambiente e desenvolvimento sustentável”, assunto em evidência em função da preocupação com os limites da exploração dos recursos naturais e da necessidade de se buscar alternativas de desenvolvimento compatíveis com a sustentabilidade do planeta. “Este é o segundo evento focado neste tema, que deve ser recorrente na nossa série devido ao crescente interesse que ele gera”, ressalta a publisher Manuela Carta.
O evento, que acontece no JW Marriott Hotel, em Copacabana, contará com a participação de personalidades ligadas às questões ambientais e representantes das diversas esferas – governo, setor privado e instituições de ensino e pesquisa. Entre os convidados, estão o ministro Edison Lobão (Minas e Energia), Tito Martins, diretor-executivo de assuntos corporativos da Vale, e Luiz Pinguelli Rosa, diretor de Coordenação dos Programas de Pós-graduação de Engenharia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Coppe/UFRJ). O curador é Luiz André Ferreira, professor e tutor da FGV-RJ e da Universidade Estácio de Sá em Responsabilidade Socioambiental e colunista do jornal Le Monde (edição em português). (ver programação completa abaixo).

Temas-chave
O debate será organizado em quatro painéis, em torno dos temas-chave: energia, ar, terra e água.
O primeiro painel evidencia os desafios e as perspectivas do setor energético no Brasil e apresenta resultados de pesquisas relacionadas a fontes alternativas - limpas, renováveis e economicamente viáveis. Aborda ainda o exemplo da Vale no investimento em geração de energia própria e a polêmica sobre a construção da terceira usina nuclear no Brasil, Angra 3.
Tendo como pano de fundo a preocupação com as mudanças climáticas e a necessidade de diminuir os efeitos da poluição, o painel “Ar” terá início com uma discussão sobre o mercado de seqüestro de carbono, isto é, sobre formas viáveis de reverter o acúmulo e as emissões crescentes de dióxido de carbono (CO2) na atmosfera. Também serão abordadas a responsabilidade das montadoras de veículos e as iniciativas na produção de automóveis menos poluentes. Hoje, as atividades econômicas e seus efeitos sobre o meio ambiente são questões debatidas mundialmente e há esforços bem-sucedidos, embora insuficientes, no sentido de compensar ou minimizar os impactos ambientais negativos.
Na mesa “Terra” serão apresentados casos de empresas e seus passivos ambientais (danos causados ao meio ambiente) e abordados os desafios e perspectivas em torno do problema do lixo em grandes cidades - suas formas de tratamento, reciclagem e de transformação em fonte de energia.
O último painel do encontro discutirá o problema do abastecimento de água e a possibilidade de escassez de recursos hídricos num futuro próximo, em função do cenário de degradação das bacias, desperdício de consumo e poluição ambiental. O painel contemplará também questões relacionadas à água salgada, como a importância das explorações marítimas na matriz energética brasileira e o desenvolvimento sustentável das zonas costeiras no País.
Ao final de cada mesa, as discussões serão aquecidas com a participação da platéia, que poderá direcionar perguntas aos convidados. O objetivo do encontro é apresentar novos contornos para um assunto de grande relevância para toda a sociedade, atravessado por inúmeras implicações, como a garantia das condições de sobrevivência e qualidade de vida das gerações presentes e futuras.

História de Diálogos

A série de debates Diálogos Capitais teve sua primeira edição em 11 de setembro de 2006, com o tema “Políticas Culturais”, e contou com a presença do ministro Gilberto Gil. No dia 16 de novembro do mesmo ano, também no Museu de Arte Moderna de São Paulo, aconteceu o segundo encontro, no qual se discutiram assuntos relativos à infra-estrutura, tema que foi avaliado pelo então presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Demian Fiocca.
Os Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro serviram de inspiração para mais um debate, desta vez no Auditório Trevisan (SP). No dia 25 de junho de 2007, o ministro do Esporte Orlando Silva e ex-atletas como Sócrates e Magic Paula discutiram a pauta “Marketing e Gestão de Negócios do Esporte”. Já a quarta edição, realizada no Museu da Imagem e do Som (MIS) de São Paulo, em 17 de setembro de 2007, teve como temática “Responsabilidade Socioambiental e Desenvolvimento Sustentável”, com a presença da ministra do Meio Ambiente Marina Silva.


Programação completa

8h30 – Cadastramento e Welcome Coffee

9h15 – Abertura do evento: Prof. Luis Gonzaga Belluzzo, consultor editorial da CartaCapital.

Mesa Energia

9h30 - Os Desafios Energéticos: Edison Lobão, Ministro de Minas e Energia.
10h00 - Pesquisas de Energias Alternativas: Luiz Pinguelli Rosa, diretor da Coppe/UFRJ e presidente da Eletrobrás entre 2003 e 2004.
10h20 - Investimento em Geração de Energia Própria: Tito Martins, diretor-executivo de assuntos corporativos da Vale.
10h40 - Real necessidade de Angra 3: Othon Luís Pinheiro, presidente da Eletronuclear.
11h00 - Perspectivas energéticas : Prof. Maurício Tolmasquim, Presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), ligada ao Ministério de Minas e Energia.
11h20 às 12h - Debate

12h às 14h - Intervalo

Mesa Ar

14h00 - Mercado de seqüestro de carbono: Profª. Maria Sílvia Muylaert de Araújo, colaboradora da Coppe-UFRJ em Planejamento Energético Ambiental e da Superintendência de Clima e Mercado de Carbono da Secretaria de Ambiente do Estado do RJ.
14h20 - Responsabilidade das montadoras. Veículos menos poluentes: Henrique Pereira, gerente de engenharia da GM PowerTrain, divisão que engloba motores e transmissões da General Motors do Brasil.
14h40 às 15h00 - Debate

Mesa Terra

15h - Como lidar com passivos ambientais. Cases A cidade dos Meninos, Ingá Mercantil e Canal do Cunha: Carlos Minc, Secretário de Ambiente do Estado do RJ.
15h30 - Desafios e Perspectivas em Torno do Lixo nos Grandes Centros: Prof. Dr. Emílio Eigenheer, adjunto da UERJ e da Pós-Graduação em Ciência Ambiental da UFF.
15h50 às 16h20 - Debate

16h20 às 16h40 - Intervalo

Mesa Água

- Lado Doce
16h40 - Abastecimento de Água: Haroldo Mattos de Lemos, ex-vice-diretor do Programa das Nações Unidas para Meio Ambiente no Brasil e atual presidente do Comitê Brasileiro do PNUMA, e presidente do Conselho de Meio Ambiente da Associação Comercial do Rio de Janeiro.
- Lado Salgado
17h00 - Importância das Explorações Marítimas na Matriz Energética Brasileira: Petrobras.
17h20 – Impactos e Desenvolvimento Sustentável das Zonas Costeiras: Prof. David Zee, especialista do Departamento de Oceania das Universidades do Estado do Rio de Janeiro e da Federal Fluminense.
17h40 às 18h00 - Debate

Encerramento
18h00 às 18h20 –Sustentabilidade e Consumo Responsável: Eduardo de Souza Martins, biólogo e diretor da consultoria em meio ambiente Elabore. Foi presidente do Ibama por duas gestões, secretário de Desenvolvimento do Ministério do Meio Ambiente e diretor-geral do WWF no Brasil.

18h20 às 18h30 – Fechamento: Maurício Dias, diretor adjunto da revista CartaCapital.

Curador e mediador dos debates: Luiz André Ferreira – Colunista sobre responsabilidade socioambiental do Le Monde (edição em português), mestre em projeto sociais e em bens culturais pela Fundação Getúlio Vargas (FGV-RJ). Professor e tutor da FGV-RJ e Universidade Estácio de Sá sobre Responsabilidade Socioambiental. Atual chefe de reportagem da Bandnews no RJ.

Para mais informações: www.dialogoscapitais.com.br

Serviço
Diálogos Capitais
Meio Ambiente – Desenvolvimento Sustentável
Local: JW Marriott Hotel Rio de Janeiro. Endereço: Av. Atlântica, 2.600 – Copacabana – Rio de Janeiro
Data: 10 Abril de 2008
Horário: das 8h30 às 18h30
Realização: CartaCapital
Patrocínio: Petrobras e Secretaria de Ambiente do Estado do RJ
Apoio: Governo do Rio de Janeiro e Associação Comercial do Rio de Janeiro

Carol Almirón ou Priscila Cotta
DENIBLOCHDIVULGAÇÃO & ANEXO COMUNICAÇÃO
tel. 11.3088.0800 / 11.3082.5553/ 11.9182.1869
carolalmiron@gmail.com / priscila@anexocom.com.br

Farol Comunitário TV Web